O lado perverso da tecnologia...

Luiz Maia

Uma conversa com amigos me fez recordar de um fato interessante ocorrido numa cidade de interior. Numa noite de lua cheia faltara energia elétrica e a população se viu obrigada a ficar por mais de seis horas em total escuridão. Quando souberam da gravidade os mais abonados resolveram dormir nos hotéis, desfrutando da energia dos geradores, enquanto a maioria achou de conversar no portão de suas casas. As cadeiras surgiam nas calçadas à medida em que o tempo ia passando. Crianças saíam às ruas a brincar, os vizinhos passaram a se conhecer e assim a rotina daquela cidade parecia mudar de repente. Gente que nunca se vira antes foi logo fazendo amizade, trocando telefones, discutindo suas vidas, falando de amenidades. As pessoas, inesperadamente, perceberam o quanto haviam perdido estando dentro de suas casas, levando uma vida quase que artificial sem desfrutar do bom convívio com a vizinhança. Estavam arrependidas de não terem se conhecido antes. Na falta da televisão ou do computador, ou mesmo no esquecimento do celular, o certo é que cada pessoa conviveu por algumas horas com a redescoberta do prazer de conversar. Convenhamos que nesse dia a qualidade de vida dos habitantes melhorou consideravelmente. Certamente essa noite ficou marcada para sempre na vida dos moradores.

Sinceramente não é meu desejo estabelecer parâmetros entre o que foi o passado e o mundo moderno. Qual o melhor ou o pior do tempos. Nada disso. Mas posso afirmar que vivemos hoje uma realidade inteiramente oposta ao mundo real quando aceitamos, sem refletir, as várias possibilidades que nos são oferecidas por centenas de ferramentas novas que nos induzem a um suposto conforto, em detrimento do contato direto com as pessoas e com a natureza como um todo. Por sermos contemporâneos da velha-guarda é que podemos lembrar o quanto fomos felizes quando mais jovens, sem necessitarmos absolutamente de nenhum aparato tecnológico de que dispomos hoje. Talvez por isso a lembrança de um tempo que passou e que ficou para sempre em nossa memória. São inegáveis os benefícios advindos da tecnologia moderna, entretanto não podemos esquecer que a qualidade dos relacionamentos, das interações humanas nos dias atuais passou a ser muito discutível.

 

  ooo

Conversa de fim-de-semana Página Principal