"Olhar para o passado, ao contrário do que muitos pensam, não é adotar uma atitude saudosista diante da vida,

ao nos apropriar dele, com erros e acertos, é possível pensar na construção de uma vida diferente.

Ao nos desvencilhar de coisas velhas, que não nos servem mais, abrimos espaço para o novo entrar com mais força e energia.

Olhar e valorizar a história passada resgata a nossa auto-estima."

Do livro "Estações da Vida - Histórias de Solidariedade e Esperança", Arx, 2002

Ir para página principal Voltar "P" Voltar autor Ir para Autores

1