"Ó Mestre, que eu procure mais compreender, que ser compreendido.

Fazei que consiga acolher o outro assim como é.

Só assim o compreenderei como quero ser compreendido.

Concedei-me ver o menor sinal de verdade, de bondade e de amor no outro para reforçá-lo e permitir que venha à plena luz.

Amém."

 

Leonardo Boff, do livro "A oração de São Francisco"

 

 

 

 Ir para página principal Voltar "P" Voltar autor Ir para Autores

1