"Há muito que filósofos da estatura de Martin Heidegger resgatando uma antiga tradição que remonta aos tempos de César Augusto, vêem no cuidado a essência do ser humano.

Sem cuidado, ele não vive nem sobrevive.

Tudo precisa de cuidado para continuar a existir.

Cuidado representa uma relação amorosa com a realidade.

Onde vigora o cuidado de uns para com os outros, desaparece o medo, origem secreta de toda violência, como analisou Freud.

A cultura da paz começa quando se cultivam a memória e o exemplo de figuras que representam o cuidado e a vivência da dimensão da generosidade que nos habita, como Gandhi, Dom Helder Câmara, Luther King e outros.

Importa fazermos as revoluções moleculares (Gatarri), a começar por nós mesmos.

Cada um estabelece como projeto pessoal e coletivo a paz enquanto método e enquanto meta, paz que resulta dos valores da cooperação, do cuidado, da compaixão e da amorosidade, vividos cotidianamente."

Leonardo Boff, do livro "Do iceberg à Arca de Noé

 

Ir para página principal Voltar "P" Voltar autor Ir para Autores

1