Um novo tempo

Luiz Maia

Cremos que o momento de dificuldades, pelo qual passa o mundo, vai se modificar e em breve novos conceitos nas relações interpessoais serão postos em prova. É claro que a amarga experiência dos povos, de viverem em sociedades eternamente conflituosas, estabelecerá parâmetros compensatórios que nos levarão à criação de um novo modelo de sociedade. Nada como os obstáculos que se nos apresentam a cada momento para fortalecer o nosso crescimento interior.

Não fossem os obstáculos, seríamos todos mais fracos, pessoas inoperantes e descrentes de tudo. Sintamos a necessidade cada vez maior de crermos numa sociedade mais digna, onde a injustiça vigente, nas mais variadas formas de exclusão, dê vez à oportunidade para todos viverem sob o mesmo sol. Vivemos o instante perfeito para criarmos as mudanças por melhores dias de que tanto necessitamos.

Cremos na união dos seres humanos como única forma para estabelecermos um fim na onda de pessimismo que se abateu sobre a humanidade. Precisamos observar com mais carinho os sons que anunciam um novo tempo. O momento presente nos instiga a emprestarmos ao mundo o encantamento pela vida que vem de nossas almas.

Somemos esforços visando a efetiva realização dos nossos sonhos, imaginando que eles possam ser por todos vividos e sentidos conforme o nosso querer, e que essa nova realidade possa ser reconstruída em bases sólidas, não dando chance às desilusões que poderiam obscurecer a nossa alegria.

Cremos em todos nós, seres humanos capazes que somos de transformar noites escuras em dias plenos de sol.
Cremos nessa luz interior, que nos ilumina a cada amanhecer. Cremos no bem que reside em nossas almas e que está a aflorar. Cremos no espírito forte que sobrevive em todos nós até hoje, sentimentos determinantes que nos conduzirão ao local que almejamos.

Portanto, será através dos nossos sonhos, da nossa eterna esperança - que nunca calou, da luta por uma tomada de consciência que nos uniu um dia, que já podemos antever o clarão de um novo tempo: um mundo sem fronteiras, sem exclusões. Sejamos todos os construtores dessa linda realidade, abraçados que estamos aos mais nobres ideais.

 

  ooo

Reflexões Página Principal